SOS LÍNGUA PORTUGUESA

SOS LÍNGUA PORTUGUESA
Tire suas dúvidas. Faça perguntas!!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

ORTOGRAFIA 3

6-CONFUSÕES  MUITO  COMUNS
 


O   ou  U ?
 *  Use  O:  cobiçar,  bobina,  tossir,  toalha,  moela,  engolir,  focinho,  mágoa,  mochila,  moleque...
 *  Use  U:   tábua,  sinusite,  bueiro,  camundongo,  entupir,  jabuticaba,  autônomo,  burburinho..


E,  I ou  EI ?
 *  Use  E:  quase,  anteontem,  arrepio,  prevenido,  enxergar,  antediluviano,  empecilho, prevalecido,  miscelânea...
 *  Use  I:   privilégio,  eletricista,  alumiar,  inigualável,  lampião,  antipático,  pequinês,  pontiagudo,  crânio...
 *  Use  EI: ameixa,  aleijar,  beijar,  colheita,  madeireira,  peneira,  queijo,  treino...
Não  omita  letras
*  pousar,   roubar,  cabeleireiro,  adivinhar,  manteigueira,  superstição,  perspicácia,  garagem,   problema,  próprio...
Não   acres- cente  letras
 *  beneficente,  prazerosamente,  hilaridade,  reiterar,  reivindicar,  advogado,bandeja,  caranguejo,  terçol,  engajar,  mendigo...
                                                                                                                
Não  troque  de   lugar
 * idoneidade, bicarbonato, depredar, disenteria, flagrante, infligir,  prescrever,  degradar...
Dupla  grafia
* aspecto/aspeto, catorze/quatorze,  cota/quota,  cociente/quociente,  cotidiano/quotidiano,  seção/secção...                                                                                                                                  


]7-PALAVRAS  E  EXPRESSÕES


 a) A  FIM  DE  (finalidade):  Ele  estava  a  fim  de  ir  ao  cinema  e  de  chegar  cedo.
     AFIM  (semelhante):  Tratavam-se  de  idéias  afins.
b) ONDE  (fixo):  Quero  saber  onde  estão  os  meus  livros.
    AONDE   (ir  a):  Perguntaram  aonde  você  foi    ontem.
    DONDE   (vir  de ):   O  lugar  donde  ele  veio  é   distante.  (  de  onde)
c) SESSÃO  (reunião):  Assistimos  à  sessão  de  cinema  ontem.
     SEÇÃO/SECÇÃO  (parte  do  todo):  Li  o  artigo  na  seção  de  esportes  do  jornal.
    CESSÃO  (doação):  Ele  fez  a  cessão  de  seus  bens  aos  filhos.
d) A   (tempo  futuro/ distância):   Voltarei  daqui  a  cinco  dias.  Vi  o  barco  a  cem  metros.   
      (tempo  passado/ existir):  Não  o  vejo    anos.     muita  gente  na  festa.
e) SE   NÃO   (condição):  Iremos  ao  jogo,  se  não  chover  muito.
    SENÃO  (caso  contrário / problema):  Faça  o  trabalho,  senão  ele  ficará  zangado.    um  senão    
   aqui.
f) ACERCA  DE  (sobre):  Conversamos   acerca  de  futebol.
    A  CERCA  DE  (distância):  A  casa  fica  a  cerca  de  um  quilômetro.
       CERCA  DE  (tempo  passado):  Ele  viajou    cerca  de  uma  semana.
g) AO  INVÉS  DE (ao  contrário):  Choveu  ontem,  ao  invés  do  previsto.
    EM  VEZ  DE  (no  lugar):  Preferiu  ir  ao  cinema  em  vez  de  jogar.
h) TAMPOUCO (também  não):  Não  fez  o  trabalho  e  tampouco  se  justificou.
    TÃO  POUCO  (muito  pouco):  Você  trabalhou  tão  pouco  hoje.
i) AO  ENCONTRO  DE   (a  favor):  Sua  atitude  veio  ao  encontro  do  que  pedimos.
    DE  ENCONTRO  A   (contra):  Suas  atitudes  vão  de  encontro  ao  que  prometeu.
j) A  PAR   (informado):  Ele  sempre  estava  a  par  dos  acontecimentos.
   AO  PAR  : Termo  usado  na   Bolsa  de  Valores,  que  significa  equivalência  de  moedas  ou  títulos. 
l) MAU  (contrário  de  BOM):  Escolheu   um  mau  momento  para  sair  da  sala.
    MAL  (contrário  de  BEM)):  Ele  estava  sempre  mal  acompanhado. 
    MAL (doença):Tinha  um  mal  incurável.            MAL  (logo  que):  Adormeceu  mal  se  deitou.


  8-EMPREGO   DOS   PORQUÊS
  

    GRAFIA
              EMPREGO                
                EXEMPLOS

 POR  QUE
-  perguntas   diretas  ou  indiretas

-equivalente a pelo qual                          
Por  que  ele  não  veio  hoje? Quero saber por que ele não veio hoje.
O  motivo  por  que  não  vim  é  sério
POR  QUÊ
- em  final  de  frase  ou  oração
Não  veio  e  não  explicou  por  quê.
Não disse por quê e nem mandou recado.

 PORQUE

-  explicações  ou  causas
Faça  o  trabalho,  porque  vale  nota.
Não  vim,  porque  estava  chovendo  muito.
 PORQUÊ      
- equivalente  a  motivo          
O  porquê  da  tua  atitude  é  esse?


Nenhum comentário:

Postar um comentário