SOS LÍNGUA PORTUGUESA

SOS LÍNGUA PORTUGUESA
Tire suas dúvidas. Faça perguntas!!

domingo, 4 de setembro de 2011

REDAÇÃO 3 - TEMAS POLÊMICOS

   O   esquema do qual trataremos agora deve ser utilizado quando lhe for proposto urn tema polêmico. Entendemos por tema polêmico aquele que costuma dividir as opiniões de tal modo que dificilmente conseguimos chegar a um posicionamento capaz de satisfazer a grande maioria das pessoas.
Veja alguns exemplos de temas polêmicos:
1- Cogita-se, com muita frequência, da implantação de pena de morte no Brasil.
2-Muito se tem discutido recentemente acerca da legalização do aborto.
3-O controle da natalidade É de fundamental importância nos países subdesenvolvidos.
4- Dever-se-ia permitir que jovens maiores de dezesseis anos pudessem conseguir a carteira de habilitação, mediante a permissão dos pais.
5- Há opiniões divergentes quando as autoridades discutem a eliminação das favelas existentes em vários pontos das grandes metrópoles.
                                       ARGUMENTOS FAVORÁVEIS E CONTRÁRIOS
Ao lermos qualquer um dos temas propostos acima. percebemos imediatamente que as opiniões se dividem no exame dessas proposições.
No que se refere ao tema 1, muitos encontrariam argumentos favoráveis à implantação da pena de morte no Brasil, da mesma forma que inúmeros outros poderiam posicionar-se contrariamente à mesma ideia. A princípio, não  é importante que você concorde ou no com a implantação da pena de morte. Deve, de modo imparcial tentar observar quais os argumentos favoráveis a essa medida. apresentados por aqueles que compartilham dessa ideia. Você também pode verificar as ideias das pessoas contrárias a ela. Dessa maneira, teria uma visão global do problema, analisando os aspectos favoráveis e os aspectos contrários da questão.
Veja agora 0 esquema de dissertação nº 3, que será em seguida utilizado para, através dele. elaborarmos uma dissertação sobre o  tema 1.
                                                   Esquema de dissertação nº   3
                                                              
1º PARÁGRAFO 
Apresentação do TEMA com rápido comentário.
 
 INTRODUÇÃO
  PARÁGRAFO

PARÁGRAFO
Análise  dos ASPECTOS  FAVORÁVEIS, com exemplos.

Analise  dos  ASPECTOS   CONTRÁ-   RIOS, com exemplos.




DESENVOLVIMENTO
4º PARÁGRAFO
Expressão inicial + posicionamento pessoal em relação ao TEMA (facultativo) + observação  final


CONCLUSÃO

Como concluir:
   Cabe aqui explicar o que significa esse "posicionamento pessoal em relação tema", mencionado na Conclusão. Depois de abordar. por exemplo. os aspectos favoráveis e contrários à implantação da pena de morte, você pode chegar a alguma conclusão. Posicionar-se sabre o assunto é justamente dizer se é contra ou a favor. Esse procedimento deve ser adotado na Conclusão, uma vez. que você já abordou os diferentes aspectos da questão e pode, então, com base em sua análise, decidir-se e expor sua opinião pessoal. No entanto, caso você não tenha uma posição definida, deve afirmar que, em vista da complexidade do problema, torna-se difícil chegar a uma conclusão definitiva.
                                                    
                                               A  PENA  DE  MORTE
          
      Cogita-se, com muita frequência, da implantação da pena de morte no Brasil. Muitos aspectos devem ser analisados na abordagem dessa questão.
        Os defensores da pena de morte argumentam que ela intimidaria os assassinos perigosos, impedindo-os de cometer crimes monstruosos, dos quais costumeiramente temos notícia. Além do mais aliviaria, em certa medida, a superlotação dos presídios. Isso sem contar que certos criminosos, considerados irrecuperáveis, deveriam pagar com a morte por seus crimes bárbaros, tais como assassinatos a sangue frio, estupros, e ouros crimes chocantes.
       Outros, porém, não conseguem admitir a ideia de um ser humano tirar a vida de um semelhante, por mais terrível que tenha sido o delito cometido. Além do mais, há registros históricos de pessoas executadas injustamente, pois as provas de sua inocência evidenciaram-se após o cumprimento da sentença. Por outro lado, a vigência da pena de morte, não é capaz de, por si, desencorajar a prática de crimes: estes não deixaram de ocorrer nos países em que ela já foi implantada.
     Por todos esses aspectos, percebemos o quanto é difícil nos posicionarmos categoricamente contra ou a favor da implantação da pena de morte no Brasil. Enquanto esse problema é motivo de debates, só nos resta esperar que a lei consiga atingir as infratores com justiça e eficiência, independentemente de sua situação sócio-econômica. Isso se faz necessário para defender os direitos de cada cidadão brasileiro das mais diversas formas de agressão das quais é hoje vitima constante.

3 comentários:

  1. adorei seu blog Iara Peixoto me ajudou muito obrigado e parabéns pelo seu blog muito bem elaborado

    ResponderExcluir
  2. Eu devo dar uma solução para o problema?? Ex. Aborto no caso dos anencéfalos.

    ResponderExcluir