SOS LÍNGUA PORTUGUESA

SOS LÍNGUA PORTUGUESA
Tire suas dúvidas. Faça perguntas!!

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

REVISÃO GERAL - 1ª parte

Para responder à questão 01, leia o fragmento abaixo.
   "E tanto que ele começou de ir para lá, acudiram pela praia homens, quando aos dois, quando aos três, de maneira que, ao chegar o batei à boca cio rio, já ali havia dezoito ou vinte homens. Eram pardos, todos nus, sem coisa alguma que lhes cobrisse suas vergonhas. Nas mãos traziam arcos com suas setas. Vinham todos rijamente sobre o batei. (..) A feição deles é serem pardos, maneira de avermelhados, de bons rostos e bons narizes, bem feitos. Andam nus, sem cobertura alguma. Não fazem o menor caso de encobrir ou deixar de encobrir suas vergonhas do que de mostrar a cara. Acerca disso são de grande inocência."

1- Assinale a alternativa que preenche correta e respectivamente as lacunas da frase.
    Percebemos o caráter _________ do texto de _________, espécie de certidão de nascimento do Brasil por se tratar do primeiro relato feito por europeus. Essa literatura ficou conhecida como literatura de informação ou de viagem.
(A) descritivo — Caminha          (B) doutrinário — Anchieta       
(C) romântico— Lery                   (D) irônico — Alencar                
                           (E) objetivo— Vieira

2-Leia com atenção as afirmativas a seguir:
 I – No século XVI,  a literatura produzida no Brasil foi apenas Informativa e Jesuítica.
 II – Na Literatura Informativa destaca-se Pero Vaz de Caminha, escrivão da frota de Pedro Álvares Cabral.
 III – Na Literatura Jesuítica destacam-se os padres Manuel da Nóbrega e José de Anchieta.
                             Estão corretas as afirmativas:
        (A) I  e II.          (B) II e III.        (C) I  e  III.        (D) I, II e III.


 Para responder às questões, leia com atenção o poema abaixo, de Gregório de Matos.

 A Jesus Crista Nosso Senhor
Pequei, Senhor mas não porque hei pecado,
da vossa alta demência me despido;
Porque quanto mais tenho delinqüido,
Vos tenho a perdoar mais empenhado.

Se basta a vos irar tanto pecado.
A abrandar-vos sobeja um só gemido:
Que a mesma culpa, que vos há ofendido,
Vos tem para o perdão lisonjeado.

Se uma ovelha perdida e já cobrada
Glória tal e prazer tão repentino
Vos deu, como afirmais na sacra história,

Eu sou, Senhor, a ovelha desgarrada,
 Cobrai-a; e não queirais, pastor divino,
 Perder na vossa ovelha a vossa glória.
3-Considere as seguintes afirmações sobre o poema.
I - É um soneto que representa perfeitamente a temática lírico-religiosa, na qual o poeta coloca-se como um pecador.
II - O poeta, humildemente, afirma não ser merecedor da misericórdia e do perdão divinos, pois seu pecado é muito grave.
III - O poeta , apresenta-se como uma ovelha desgarrada que, se for recuperada, contribuirá para elevar a glória divina.
            Quais estão corretas?
 (A) Apenas I.   (B) Apenas II.     (C) Apenas III.           
      (D) Apenas I e III.        (E) Apenas II e III.

4- A respeito do mesmo poema, é incorreto afirmar que:
(A) o soneto tem uma das características típicas da literatura barroca: o homem atormentado pela idéia de cair em desgraça junto a Deus.
(B) o poeta acredita que a bondade e a clemência de Jesus são muito maiores do que o seu pecado.
(C) o poeta aparece como um advogado de si mesmo, defendendo o seu direito de ser perdoado por Jesus.
(D) o soneto menciona explicitamente a  Bíblia, o livro sagrado dos cristãos.
(E)  a metáfora da ovelha indica que o texto está ligado ao princípio de poema.
               
Para responde à questão, leia o poema abaixo.
A cada canto um grande Conselheiro,
Que nos quer governar cabana e vinha:
Não sabem governar sua cozinha,
E querem governar o Mundo inteiro!

Em cada porta um bem frequente Olheiro
da vida do vizinho e da vizinha,
 pesquisa, escuta, espreita   e esquadrinha
 para o levar à Praça a ao Terreiro.

Muitos mulatos desavergonhados
Trazendo pelos pés aos Homens nobres;
 posta nas palmas toca a picardia.

Estupendas usuras nos mercados
Todos os que não furtam, muito pobres
Eis aqui a Cidade da Bahia.
5-Considere as afirmações abaixo sobre o poema:
I- Faz uma crítica a vários grupos sociais da Bahia do seu tempo, apontando defeitos em todos eles,
II- Por ironizar a situação, corno no penúltimo verso, percebemos tratar-se da um poema de Gregório de Matos Guerra, na sua vertente satírica.
III- Pelo estilo apaixonado e idealista, podemos afirmar que se trata de um poema vinculado à estética árcade
        Quais estão corretas?
(A) Apenas I.         (B) Apenas II.      (C) Apenas III.      
                (D) Apenas I e II.       (E) I, II e III.

Leia com atenção o poema abaixa, de Gregório de Matos.
      Aos Vícios
Eu sou aquele, que os passados anos
cantei na minha lira maldizente
torpezas do Brasil, vícios e enganos.

E bem que os descantei bastantemente,
canto segunda vez na mesma lira
o mesmo assunto em plectro diferente.

De que pode servir calar quem cala?
Nunca se há de falar o que se sente?
Sempre se há de sentir o que se fala.

Qual homem pode haver tão paciente,
Que vendo o triste estado da Bahia.
Não chore, não suspire e não lamente?
6-Considere as seguintes afirmações sobre o poema.
   I - Esse poema representa o lado satírico e irreverente do poeta frente a uma sociedade colonial decadente.
   II - O poema revela o impulso do poeta em denunciar os vícios da vida na capital da colônia.
   III - Gregório de Matos canta na mesma lira a \,ida simples da Bahia.
                  Quais estão corretas?
 (A) Apenas  I.         (B) Apenas II.           (C) Apenas III.            
               (D) Apenas I e II.          (E) I, II e III.

7- Assinale a alternativa que preenche correta e respectivamente as lacunas da fras
  Os romances de Joaquim Manuel de Macedo adaptaram-se a cenários brasileiros possibilitando uma ________ do leitor com seu meio. A trama era _____________  sem o passionalismo dos romances europeus.
(A) sintonia — desmedida             (B) ligação — violenta              
(C) identificação — comedida      (D) aproximação — amoral        
                            (E) assimilação — confusa

8-Uma das afirmações abaixo refere-se ao Barroco. Assinale-a:
 (A) Preocupações somente com as coisas terrenas.
 (B) A poesia era somente religiosa.
 (C) Tinha como preocupação a brevidade da vida, o “carpe diem”.
 (D) Usava uma linguagem simples, objetiva, direta.

8-Leia as afirmativas e, depois, escolha a alternativa correta:
 I - No Barroco, o homem oscila. essencialmente entre dois planos: o espiritual e o terreno..
 II- No século XVI, a literatura produzida no Brasil foi apenas informativa e jesuítica.
 III -Na Literatura Informativa podemos destacar Pero Vaz de Caminha e na  Literatura Religiosa o Padre José de Anchieta.
 IV- O Padre Antônio Vieira foi. o maior orador sacro da nossa  História; defendia os índios  contra os colonos, combatendo a escravidão.
          Estão corretas as alternativas:
 (A)I e II        (B)III e IV       (C) II, III e IV      (D)I, II e III     (E) Todas

9-Relacione autor e obra:
(l)Pero Vaz de Caminha
(2)Pe. Manuel da Nóbrega
(3)Gregório de Matos Guerra
(4)Pe. .Antônio Vieira .

(   )“Sacra”,”Lírica”, “Graciosa”,”Satírica”
(   )“Carta de Achamento do Brasil”
(   )“Sermão da Sexagésima”
(   )“Auto da Pregação Universal”
 A)l—3—2—4       (B) 3—1—4—2       (C)4—2—1—3    
                   (D)2—4—1—3   (E)3—2—4—1

Leia o seguinte texto, fragmento do poema Marília de Dirceu, para responder ás questões.
Vem, ó Marília, vem lograr comigo
 Destes alegres campos a beleza,
 Destas copadas árvores o abrigo

 Deixa louvar da corte a vá grandeza:
Quanto me agrada mais estar contigo,
 Notando as perfeições da Natureza!

10-Assinale o item incorreto sobre o Pe. Antônio Vieira:
(A) Era orador sacro famoso, com mais de 200 sermões.
(B) Demonstrava preocupação com assuntos sociais, políticos ,econômicos.
(C) Escreveu autos para catequizar os índios da época.
(D) Um dos  mais famosos sermões seus foi o “Sermão da Sexagésima.”

11-Considere as seguintes afirmações sobre o texto.
  I - O poeta convida a amada, Marília, para aproveitarem juntos as maravilhas da cidade (a corte).
  II - Trata-se de um fragmento de um célebre poema de Tomás Antônio Gonzaga, no qual faz um elogio à vida simples e natural dos camponeses.
  III - A natureza é vista como perfeita, em oposição à inutilidade da cidade.
                   Quais estão corretas?
    (A) Apenas I.       (B) Apenas II.          (C) Apenas III.      
                  (D) Apenas II e III.          (E) 1, II e III,

12- Ainda segundo o texto, é correto afirmar que:
(A) a preocupação com a simplicidade, no estilo de Vida e no estilo de texto, é típica da escola árcade.
(B) a admiração pelo progresso da cidade, presente nesse texto, é característica do Parnasianismo.
(C) o indivíduo está em dúvida entre urna coisa e outra, o campo e a cidade, perspectiva que é típica do Barroco.
(D) a preocupação com o regional e o interior do Brasil, como aparece no texto, é marca do Modernismo.
(E) a fuga do mundo real para um idealizado, como propõe o texto, é marca do Romantismo.
              
    O Arcadismo brasileiro se tornou importante para a literatura nacional por tratar, em algumas de suas obras, de um tema tipicamente brasileiro, o índio. Uma dessas obras tematiza a guerra ocorrida nas Missões Jesuíticas, noroeste do atual Rio Grande do Sul, guerra que se deu entre uma aliança de portugueses e espanhóis contra os índios missioneiros comandados por Sepé Tiaraju, personagem histórico retomado como herói.
             A obra que apresenta o enredo descrito acima é:
A) Caramuru, de Santa Rita Durão.       (B) O Uraguai, de Basílio da Gama.      
(C) O Guarani, de José de Alencar        (D) O Canto do Piaga, de Gonçalves Dias.           
             (E) A Confederação dos Tamoios, de Gonçalves de Magalhães.

13-Considere  as seguintes afirmações sobre Tomás Antônio Gonzaga e Cláudio Manuel da Costa.
I – Tomás  Antônio Gonzaga escreveu Cartas Chilenas com o objetivo do homenagear o governador de Minas Gerais. seu amigo.
II - Cláudio Manuel da Costa mostra inclinação para o Arcadismo, mas ainda apresenta influências do Barroco.
III- Tomás Antônio Gonzaga é o autor do poema lírico Marília de Dirceu, obra impregnada de pastoralismo e galanteria próprios dos árcades.
                           Quais  estão corretas?
(A) Apenas I.                 (B) Apenas II.           (C) Apenas III.       
                   (D) Apenas I e II.     (E) Apenas II e III.

Considere os versos seguintes para responder as questões.
“Tu não verás, Marília, cem cativos
Tirarem o cascalho e a rica teria,
Ou do leito dos rios caudalosos,
Ou da mina da serra.

Não verás separar ao hábil negro
Do pesado esmeril a grossa areia,
E já brilharem os granitos de ouro
No fundo da bateia.

Não verás derribar os virgens matos.
Queimar a capoeira ainda nova:
Servir de adubo a fértil cinza,
Lançar os grãos na cova.”

“Verás em cima da espaçosa mesa
Altos volumes de enredos feitos;
Ver-me-ás folhear os grandes livros
E decidir os pleitos.

Enquanto revolver os meus consultos
Tu me farás gostosa companhia
Lendo os fatos da sábia história
E os cantos da poesia.

Leras, em alta voz, a imagem bela,
E eu, vendo que lhes dás o justo apreço
Gostoso tornarei a ler de novo
O cansado processo.”


14-Considere as afirmativas a seguir:
I - O poeta apresenta a atividade dos escravos e condena o excesso de trabalho e a violência a que estão  submetidos.
II – É afirmado que Marília não verá uma paisagem que inclui, segundo a descrição, rios, minas, matos, etc.
 III - A atividade intelectual predomina nas três últimas estrofes,opondo-se ao esforço físico descrito nas três primeiras estrofes.
        Quais estão corretas?
(A) Apenas I.     (B) Apenas I e II.      (C) Apenas II e III.    (D) Apenas III.

15- É correto afirmar que o poeta, na poesia acima:
(A) Canta a bravura do indígena em meio ao ambiente paradisíaco.
(B) Revela estar cansado de examinar processos que não vão a julgamento.
(C) Folheia grandes livros para inspirar-se e compor suas poesias.
(D) Mostra-se homem de letras atarefado, mas sensível a  belas poesias.

16-É correto afirmar que Marília:
(A) Lerá  livros de poesias para os filhos do poeta.
(B) Fará companhia ao poeta e se dedicará à leitura junto a ele.
(C) Auxiliará o marido a consultar livros e encaminhar processos.
(D) Escreverá poesias, apesar dos protestos do marido.

17-O Arcadismo é um movimento de retorno:
(A) à aristocracia e ao subjetivismo. (C) à natureza e simplicidade.
(B)a simplicidade e romantismo.      (D)ao subjetivismo e à natureza.

18-Considere os versos abaixo e assinale a alternativa correta:
“Discreta a formosíssima  Maria,
Enquanto estamos vendo a qualquer hora...”
                                                                             
“A vós correndo vou, braços sagrados,
Nessa cruz sacrossanta descobertos....”

 Os versos acima são de sonetos de__________ e são exemplos de sua poesia _________ e _________,  pertencente ao _________________ .
 (A) José de Anchieta — religiosa — lírica — Literatura Informativa
 (B) Gregório de gatos — lírica — religiosa — Barroco
 (C) Tomás Antônio Gonzaga — lírica — satírica — Arcadismo
 (D) Gonçalves Dias — lírica — religiosa — Romantismo

19-Toda simplicidade do Arcadismo era representada através :
(A) dos nomes da mitologia          (C) das figuras de linguagem.
(B) dos pastores e da natureza.   (D) das expressões subjetivas.

20-Somente uma das alternativas não corresponde ao Arcadismo:
(A) A simplicidade das formas, no Arcadismo, era representada através dos pastores e pastoras.
(B) O Arcadismo m movimento de retorno à natureza e simplicidade.
(C )No Arcadismo sobressaía o subjetivismo do poeta.
(D) O Arcadismo no Brasil ocorreu no período da mineração.
(E)O poema  épico escrito por C1áudio Manuel da Costa  é “Vila Rica”.

21-Relacione o personagem com a obra:
(1) “O Uraguai”
(2) “Caramuru”
(3) ”Cartas Chilenas”
(4)”Marília de Dirceu”
                                                                              
 (   ) Paraguaçu                      
 (   ) Doroteu
 (   ) Cacambo                         
 (   ) Gen.Gomes Freire de Andrade
 (   ) Marília
 (   ) Critilo
 (   ) Moema                           
 (   ) Diogo Álvares Correia
 (   ) Lindóia
(   ) Dirceu                            
(   ) Fanfarrão Menésio


22-Assinale o item incorreto sobre Thomás Antônio Gonzaga:
(A)Escreveu a obra “Marília de Dirceu”.
(B)É o melhor poeta lírico do Arcadismo.
(C)Sua obra nos mostra as duas fases da sua. vida.
(D)A primeira parte de sua obra reflete os sofrimentos no cárcere.

23-Assinale a alternativa que apresenta exclusivamente características românticas:
(A) pastoralismo, nacionalismo,culto da natureza, simplicidade
(B)racionalismo, culto da natureza,, liberdade de forma
(C)sentimentalismo, culto da natureza, liberdade de forma
(D)subjetivismo, bucolismo, sentimentalismo, poesia social

24- Considere as afirmações abaixo, referentes ao Romatismo.
I- O movimento romântico consagrou escritores como José de Alencar e Gonçalves Dias.
II - A literatura dessa época teve como tema apenas a natureza brasileira, incluindo o índio.
III - A prosa e a poesia românticas apresentavam sentimento nacionalista, ou seja, o amor pelo nosso país.
            Quais estão corretas?
(A) Apenas I.       (B) Apenas III.       (C) Apenas I  e  II.       
            (D) Apenas I e III.      (E) Apenas  II e III.

 Para responder à questão, leia o trecho abaixo, extraído do poema I-Juca-Pirama.
 Meu canto de morte,
Guerreiros, ouvi:
Sou filho das selvas,
Nas salvas cresci;
Guerreiros, descendo
Da tribo Tupi.

 Da tribo pujante,
Que agora anda errante
Por fado inconstante,
Guerreiros, nasci;
Sou bravo, sou forte,
Sou filho do Norte;
Meu canto de morte,
Guerreiros, ouvi.


25-De acordo com o texto, é incorreto afirmar que:
(A) o poeta, falando como índio, apresenta sua caracterização.
(B) o guerreiro que fala quer ser ouvido pelos outros índios.
(C) o índio guerreiro nasceu nas salvas e hoje encontrou seu rumo.
(D) o guerreiro pertence à valorosa tribo Tupi.
(E) o guerreiro que fala não apresenta seu nome. -


 Considere a trecho abaixo, de Álvares de Azevedo.
                   Se eu morresse amanhã
Se eu morresse amanhã, viria ao menos     Quanta glória pressinto em meu futuro
Fechar meus olhos minha triste irmã;           Que aurora de porvir e que manhã!                     
Minha mãe de saudades morreria                Eu perdera chorando essas coroas    
       Se eu morresse amanhã!                              Se eu morresse amanhã!    
                                                                                                                                                                26-Sobre o trecho do poema é incorreto dizer que:
(A) o poeta manifesta o desejo de viver, mas pressente a presença da morte.
(B) o tema do poema é desenvolvendo a partir do eu do poeta.
(C) o poeta canta a vida com esperança.
(D) o poema pertence à fase Mal do Século, porque se reveste de melancolia e tristeza.
(E) o canto do poeta é um pressentimento triste

Leia o poema abaixo, fragmento do poema O Navio Negreiro, de Castro Alves, para responder às questões.
            (.........)
Presa nos elos de uma só cadeia,
A multidão faminta cambaleia,
      E chora e dança ali!
Um de raiva delira, outro enlouquece...
Outro, que de martírios embrutece,
       Cantando, geme e ri!
            (...........)
E existe um povo que.a bandeira empresta
Pra cobrir tanta  infâmia e cobardia!...
            (..............)
Auriverde pendão da minha terra,
Que a brisa do Brasil beija e balança,
Estandarte que a luz do sol encerra
E as promessas divinas da esperança...
Tu, que da liberdade após a guerra
Fole hasteado dos heróis na lança,
Antes te houvessem roto na batalha,
Que servires a um povo de mortalha!

27-Considere as seguintes afirmações sobre o texto.
I - O poema O Navio Negreiro é a demonstração do posicionamento do autor ao lado das lutas abolicionistas.
II - Os versos compostos com imagens sugestivas tinham o intuito de reforçar a dramaticidade do poema.
III - A maneira como Castra Alvas criou esse poema sugere sua revolta contra a estrutura social escravista.
IV- O vocabulário empregado e o uso de exclamações prejudicam o tom declamatório pretendida pelo autor.
                   Quais estão corretas?
(A) Apenas I e II.      (b) Apenas  II e III.      (C) Apenas I, II e III.      
                  (D) Apenas II, III e I.     (E) I, II, III e IV.

28- A respeito do mesmo texto, é correto afirmar que:
(A) a utilização, de recursos expressivos vibrantes favorece a Identificação Dos leitores com o poema.
(B) Castra Alves se limitou a escrever poemas vinculados à causa abolicionista pelos quais ficou conhecido como o poeta dos escravos.
(C) a preocupação com o sofrimento do negro africano, presente no poema, reforçava os valores da sociedade escravista.
(D) Castro Alves criou imagens idealizadas que nada tinham a ver com a realidade do seu tempo.
(E) o poeta canta a liberdade refletindo a Ideologia da classe dominante de sua época.

Para responder à questão,  leia os dois fragmentos de poesia abaixo.
I
Soneto
Pálida, à luz da lâmpada sombria,
Sobre o leito de flores reclinada,
Como a lua por noite embalsamada,
Entre as nuvens do amor ela dormia!

Era a virgem do mar! na escuma fria
Pela maré das águas embalada!
Era um anjo entre nuvens d’alvorada
Que em sonhos se banhava e se esquecia!
 II
Boa-noite
Boa-noite, Maria! Eu vou-me embora.
A lua nas janelas bate em cheio.
Boa-noite, Maria! E tarde.., é tarde...
Não me apertes assim contra teu seio.

Boa-noite!... E tu dizes — Boa-noite.
Mas não digas assim por entre beijos...
Mas não mo digas descobrindo o peito,
— Mar de amor onde vagam meus desejos.

29- Se falamos em poesia romântica, falamos também de poesia de amor. Percebemos duas atitudes amorosas nos fragmentos acima, respectivamente de Álvares de Azevedo e Castro Alves, dois dos maiores poetas do Romantismo brasileiro; uma, de distância em relação à mulher; a outra, de proximidade e íntima ligação.
As duas atitudes amorosas podem ser caracterizadas, respectivamente, como:
(A) amor realizado e amor idealizado.     (C) amor idealizado e amor realizado.
(B) amor realizado e amor amargurado.  (D) amor idealizado e amor amargurado.   
                 (E) amor amargurado e amor realizado.

Para responder à questão de número leia o fragmento abaixo, de uma poesia de Álvares de Azevedo.
Eu deixo a vida como deixa o tédio
Do deserto o poente caminheiro.,.
Como as horas de um longo pesadelo
Que se desfaz ao dobre de um sineiro...
                     (......)
 Descansem o meu leito solitário
Na floresta dos homens esquecida,
Á sombra de uma cruz! e escrevam nela:
— Foi poeta, sonhou e amou na vida. —
                      (........)
30-O jovem poeta trata de um tema muito importante no Romantismo. Esse tema, derivado da insatisfação dos jovens perante o mundo, é:
 (A) o índio.     (B) o amor.     (C) a morte.    (D) o negro.    (E) a infância.

Para responder às questões leia os textos abaixo, extraídos do romance Iracema, de José de Alencar.
                            CAPÍTULO  I
   Verdes mares bravios de minha terra natal onde canta a jandaia nas frondes da carnaúba;
  Verdes mares que brilhais como líquida esmeralda aos raios do sol nascente, perlongando as alvas praias ensombradas de coqueiros.
  Serenai, verdes mares e alisei docemente a vaga impetuosa para que o barco aventureiro manso resvale á flor das águas.
..................................................................................................................
                             CAPITULO II
     Além, muito além daquela serra, que ainda azula no horizonte, nasceu Iracema.
    Iracema, a virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna e mais longos que seu talhe de palmeira.

31- Examine as afirmações abaixo sobre os dois textos.
 I - O autor relata grandezas da terra brasileira.
II - Iracema é descrita com traços que a comparam a elementos da natureza.
III - O autor ama os mares de sua terra, mas detesta os índios.
                         Quais estão corretas?
(A) Apenas I.        (B) Apenas II.           (C) Apenas  III.        
              (D) Apenas I e II.        (E) Apenas I e III.

32-Considere as seguintes afirmações.
   I - Os trechos citados são representativos do Romantismo brasileiro em sua fase indianista.
   II - O autor acredita que nada no mundo é melhor que o índio brasileiro.
   III - Em ambos os textos, observa-se um traço de louvor à terra e ao indígena brasileiros.
              Quais estão corretas?
(A) Apenas I.       (B) Apenas II.       (C) Apenas III.       
             (D) Apenas I e II.      (E) Apenas I e III.

33- Sobre José de Alencar é correto afirmar que:
(A) sua obra tinha por objetivo abordar as origens da História do Brasil, e por isso só tratou de temáticas ligadas ao indianismo.
(B) o índio representado nas suas obras era baseado em dados reais, não havendo, portanto, imagens idealizadas ou distantes da realidade.
(C) é o autor de importantes romances da literatura brasileira, como Iracema e A moreninha.
(D) sua obra Iracema, um romance urbano, inaugurou a ficção brasileira.
(E) pretendia. em seus romances, retratar o Brasil em todas as suas regiões, além das matas e das grandes cidades.

   Durante o Romantismo brasileiro, urna obra se destacou por retratar o universo da malandragem carioca, descrevendo as relações sociais que se davam através do “jeitinho brasileiro”, isto é, a troca de favores. O jovem herói malandro __________________ é o personagem principal desse romance, cujo titulo é _______________ , do escritor __________________________ .
                              
34- Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do trecho acima:
 (A) Peri — O Guarani — José de Alencar   
(B) Leonardo — Memórias de um Sargento de Milícias — Manoel Antônio de Almeida
(C) Fernando — Senhora — Bernardo Guimarães
(D) Paulo — Lucíola — José de Alencar
(E) Cirino -  Inocência  - Visconde de Taunay

35-Considere as seguintes afirmações a cerca do Romantismo brasileiro:
I - A independência política e a procura da definição da nacionalidade influenciaram no caráter nacionalista da literatura romântica brasileira.
II- Algumas obras românticas afastaram-se da subjetividade e do sentimentalismo partindo para a racionalidade.
III- Os autores românticos encontraram no índio, na paisagem exótica e na figura humana elementos para realizarem uma literatura ufanista.
                     Quais estão corretas?
(A) Apenas I.             (B) Apenas II.         (C) Apenas III.      
             (D) Apenas I e II.              (E) Apenas I e III.

36-Numere a coluna da direita relacionando-a com a da esquerda,, tendo em vista os principais nomes da poesia romântica (observe que pode haver mais de uma afirmativa para cada nome).
 (1) Gonçalves Dias   
 ( 2) Álvares de Azevedo     
 (3) Casimiro de Abreu                 
(   ) Poeta que caracterizou perfeitamente o indianismo através de seu poema  I-Juca- Pirama. (   )  Inspirado na nostalgia e no sentimento de exílio dos românticos escreveu o poema Meus Oito Anos
(   ) Recusa o indianismo e o nacionalismo, preferindo o extravasamento subjetivo. Escreveu Lira dos Vinte Anos.
           A seqüência correta, de cima para baixo, é:
     (A) 1—1—2—3.        (B) 1—3—2—1.          (C)2—2 —1—1.          
                     (D)3—1— 2 —2.           (E) 3—3—2—1.

37-Numere a coluna da direita de acordo com a da esquerda, associando as obras aos seus respectivos autores (observe que pode haver mais de um título para cada autor).
(1) Joaquim Manuel de Macedo
(2) Bernardo Guimarães
(3) Manuel Antônio de Almeida

(   ) Memórias de um Sargento de Milícias
(   ) A Escrava Isaura
(   ) A Moreninha
(   ) O Seminarista
A seqüência correta, de cima para baixo, é:
   (A) 1—1—2—3.        (B) 1—2—1—3.          (C)2—1 —3—2.         
             (D)3—2—1 —2.           (E) 3—2—2—1.

38- Sobre José de Alencar, é correto afirmar que:
(A) escreveu uma obra variada na tentativa de compor um quadro amplo do país.
(B) descreveu, em seus romances, a realidade do índio sem idealizações.
(C) criou romances urbanos como Lucíola, Senhora  e O Seminarista.
(D) empenhou-se em criar uma linguagem mais próxima dos modelos europeus.
(E) mostrou despreocupação com o índio e a natureza no seu livro O Guarani.

39-Considere as afirmações sobre a obra de José de Alencar.
 I - Alencar apresenta uma imagem positiva do índio brasileiro, com seus costumes e deuses; porém, nota-se certo traço de herói europeu medieval em sua descrição.
II- Os romances regionalistas O Gaúcho, O Sertanejo e O Tronco do Ipê  destacam os encantos regionais, mas pouco valorizando a linguagem da região enfocada.
III- Os romances urbanos descrevem aspectos da vida carioca, onde transitam os perfis de mulher, como Lucíola e Senhora.
             Quais estão corretas
 (A) Apenas I.          (B) Apenas II.        (C) Apenas III.           
       (D) Apenas I e II.                (E) I, II e III.

Leia o poema abaixo atentamente para responder às questões .
1 Quando nas praças   s‘eleva
2 Do povo a sublime voz...
3 Um raio ilumina a treva
4 O Cristo assombra o algoz...
    ......................................
5 A praça! A praça é do povo
6 Como o céu é do condor,
7 É o astro onde a liberdade
8 Cria águias em seu calor!
   ......................................
9 A palavra vós roubais-la
10 Aos lábios da multidão
11 Dizei, senhores, à lava
12 Que não rompa do vulcão
13 Mas qu’infâmia! Ai,velha Roma,
14 Ai, cidades de Vendoma,

15 Ai, mundos de cem heróis,
16 Dizei, cidades. de pedra,
17 Onde a liberdade medra
18 Do porvir aos arrebóis.
     .....................................
19 Irmãos da terra da América,
20 Filhos do solo da crus,
21 Erguei as frontes altivas,
22 Bebei torrentes de luz...
23 Ai, soberba populaça,
24 Rebentos da velha. raça
25 Dos nossos velhos Catões,
26 Lançai um protesto, ó povo,
27 Protesto que o mundo novo
28 Manda aos tronos e às naç6es.
                               (Castro Alves)
 40-Considere as seguintes afirmações:
 I - Nos respectivos versos, o poeta examina a situação em que o povo encontra-se num espaço aberto e  público.
 II - O poeta compara a relação entre praça e povo com a relação céu e condor para salientar o sentido de liberdade que eles evocam.
 III - Este poema pertence a um poeta da Terceira Geração dos poetas românticos, evidenciando a  liberdade, tema social palpitante.
           Quais das afirmativas estão corretas?
(A) Apenas I.     (B) Apenas II.     (C)Apenas I e II.     (D)I, II e III.

41-Sobre o poema acima é correto afirmar que:
(A) Nos verses 9 a 12 o poeta denuncia a ausência de liberdade  de expressão que oprime o povo.
(B) Nos verses 9 a 12 as autoridades impedem que a lava de um vulcão atinja o povo.
(C) Nos versas 13 a 18 o apelo aos cem heróis os convence a abandonar o local onde a liberdade é  impedida.
(D) Nos versas de 5 a 8 o poeta afirma que a praça não pertence ao povo e sim ao condor.

42-Sobre os versos de 19 a. 28, podemos afirmar que:
(A) O poeta pede ao povo que abandone seu orgulho e desista da luta.
(B) O poeta incentiva o povo a não protestar contra os governantes.
(C) O poeta conclama os americanos a lutarem pela sua liberdade.
(D) O poeta evidencia as características pessimistas da 2ª Geração.

43-Assinale a alternativa que apresenta só características românticas:
(A) estilo opulento, pastoralismo, sentimentalismo
(B) sentimentalismo, idealização, nacionalismo
(C) idea1izaço,racionalismo,brevidade da vida
(D) estética do conflito, exageros verbais., subjetivismo

44- O “mal do século” se fez presente na obra. do poeta romântico:
(A) Castro Alves             (B) Álvares de Azevedo        
(C) Gonçalves Dias       (D)Casimiro de Abreu

45-Assinale a alternativa incorreta:
(A) Gonçalves Dias escreveu poesias de acentuado teor indianista.
(B) A abo1iço da escravatura, a liberdade avultam na obra de Castro Alves.
(C) A Segunda Geração Romântica dedicou-se a temas sociais.
(D)Álvares de Azevedo e Casimiro de Abreu são da Segunda Geração Romântica.

46-Leia os versos abaixo e escolha a alternativa correta:
“Oh! que saudades que tenho                     “Minha terra tem palmeiras
  Da aurora da minha vida                            Onde canta o sabia
  Da minha infância querida                         As aves que aqui gorjeiam
  Que os anos no trazem mais..”                  Não gorjeiam como lá.”
           Os verses acima pertencem aos poetas:
(A) Casimiro de Abreu e Gonçalves Dias, ambos da Segunda Geração dos poetas românticos brasileiros.
(B) Casimiro de Abreu, poeta da Segunda Geração, e Gonçalves Dias, poeta da Primeira Geração dos  poetas românticos brasileiros.
(C) Gonçalves Dias, poeta da Primeira Geração, e Álvares de Azevedo, poeta da Segunda Geração dos poetas românticos brasileiros.
(D)  Casimiro de Abreu, poeta da Segunda Geração, e Gonçalves de Magalhães, poeta da Primeira Geração dos poetas românticos brasi1eiros.
                                                            (Continua na próxima postagem.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário